Técnica modificada para plástica intima feminina

plastica intima

Artigo recente publicado na Aesthetic Plastic Surgery (2015:39:36-42), relata algumas modificações sugeridas na técnica de redução de pequenos lábios (labioplastia ou plástica intima feminina). O método pode ser feito em hipertrofia unilateral ou bilateral dos pequenos lábios. Entre a bibliografia utilizada pelos autores, consta o trabalho do Dr. Wulkan (Labioplasty: anatomy, etiology, and a new surgical approach) demonstrando que nossa abordagem segue como referência no estudo da plástica intima feminina.

Parabenizamos os autores pelo ótimo trabalho e já incorporamos as condutas em nossa abordagem cirúrgica para ajudar ainda mais nossos pacientes.

Posição do nariz e sobrancelhas diferentes: uma ilusão de desvio no nariz

assimetria supercilio e laterorrinia

(foto de artigo publicado na Plastic and Reconstructive Surgery, 2014; NÃO representa paciente real ou operado no Brasil)

ASPECTO DO NARIZ E ASSIMETRIA DE SOBRANCELHA: UMA ILUSÃO NA PERSPECTIVA DE  DESVIO NASAL

Nas consultas de pacientes que desejam a rinoplastia ou rinoplastia secundaria, sempre nos atentamos não apenas ao aspecto do nariz mas também o seu relacionamento com outras estruturas da face, tal como as bochechas, boca, olhos, queixo e supercílios. Todos somos assimétricos (isso é normal) e, portanto, não existe um resultado “perfeito” de rinoplastia com, por exemplo, um nariz exatamente reto na visão frontal ou de perfil.

Em 2014, foi publicado um importante trabalho na Plastic and Reconstructive Surgery sobre o nariz com desvio e supercílios assimétricos. A conclusão do trabalho fortalece ainda mais a perspectiva de assimetria nos homens e mulheres. Algumas pessoas até mudam o formato da sobrancelha para amenizar um desvio de nariz. No estudo, 96% dos pacientes tinha desvio de sobrancelha.

Antes de operar de plastica de nariz, rinoplastia estruturada ou plastica de nariz secundária, devemos nos atentar a tudo isso e também entender que muitas vezes podemos melhorar muito o aspecto do nariz mas a perfeição fica dependente de outras estruturas faciais também que se relacionam diretamente com o nariz.

veja mais em http://www.drwulkan.com.br/rinoplastia-plastica-de-nariz

Cegueira após preenchimento de rugas

cegueira após preenchimento estético com produto inapropriado

O procedimento de preenchimento estético das rugas na face é feito há muitos anos por especialistas na área. No entanto, é preciso saber como utilizar o produto e a anatomia facial para minimizar riscos. Entre as complicações mais temidas, salienta-se a cegueira após aplicação de produtos de preenchimento nas rugas da testa (área entre os olhos).

Isso não ocorre sempre, mas cada vez mais casos são descritos sobre essa possibilidade.

No conceituado jornal JAMA Ophthalmol. 2014;132(5):637-639, um trabalho publicou mais casos de cegueira irreversível após o uso de preenchedores. O motivo parece estar ligado à oclusão da artéria central da retina. Neste trabalho, 3 pacientes ficaram cegos, sendo que um deles teve melhora parcial da visão.

O uso de preenchimentos deve sempre ser feito apenas por especialistas, sendo o mais apropriado por médicos cirurgiões plásticos e dermatologistas. Atualmente, médicos de outras especialidades tem realizado esse procedimento e as complicações tem surgido de maneira catastófrica.

Escrevemos este tópico para alertar nossos pacientes a sempre procurarem médicos éticos e corretos na sua conduta, sempre utilizando substâncias aprovadas pela ANVISA. A saúde é sempre mais importante que a beleza.

Por fim, a aplicação de preenchimento no nariz para simular rinoplastia ou plastica de nariz pode ser feita em casos selecionados e sempre por profissionais habilitados. Se feita sem cuidado, também pode resultar em complicações gravíssimas.

ATUALIZAÇÃO SOBRE IMPLANTES MAMÁRIOS

Implante de silicone

Implantes de mama

Na revista científica “Aesthetic Plastic Surgery” de outubro de 2014, autores da Columbia University Medical Center escrevem sobre atualizações mundiais dos implantes de silicone nas mamas.

De acordo com o FDA americano, 5-10 milhoes de mulheres tem implante mamário no mundo. Existe um aumento notável dessa cirurgia por diversos motivos: implantes mais modernos, mulheres com capacidade de pagar sua cirurgia (pois a população que trabalha aumentou) e a recente opção de mastectomia profilatica para pacientes com predisposição genética ao cancer de mama (embora ainda não tenhamos um consenso absoluto sobre essa indicação no Brasil).

O estudo também alerta à má escolha de implantes tal como ocorreu com os implantes PIP com complicações sérias.

Os autores não falamo muito sobre o Brasil mas sim sobre a Venezuela onde o formato ideal de mama mudou. Isso se observou até nos manequins que agora tem mamas maiores do antes.

Ressaltamos que o bom senso na hora de escolher o tamanho/formato dos implantes é importante para termos um resultado natural, assim como a escolha de seu médico que deve ser membro da SBCP.

A cirurgia de implante mamário dura aproximadamente 1 hora. Dependendo do caso, poderá sera associada a outras cirurgias, tais como a rinoplastia, plastica de nariz secundaria, lipoaspiração, entre outras.

BRASIL É O LIDER MUNDIAL EM PROCEDIMENTOS CIRURGICOS DE CIRURGIA PLÁSTICA

brasil

Segundo pesquisa do ISAPS (International Society of Aesthetic Plastic Surgery), o Brasil ultrapassou os EUA em numeros absolutos de cirurgias plásticas.

Neste estudo, observou-se que a lipoaspiração e implante de silicone nas mamas são as cirurgias mais realizadas em nosso país. Em seguida, a cirurgia de mastopexia (remodelamento de mamas), abdominoplastia e plástica de palpebras (blefaroplastia), são as mais frequentes no Brasil.

No consultório do Dr. Wulkan ainda se observa grande demanda por plastica de nariz secundaria e rinoplastia estruturada, além de cirurgia de contorno corporal pós obesidade e pós gravidez.

Lembramos que a procura por um cirurgião plástico deve ser sempre cuidadosa e vamos colocar nesse blog algumas dicas de como obter sucesso nas cirurgias, começando por escolher sempre um médico cirurgião plástico da SBCP.

O Brasil está sendo muito procurado pelo turismo médico internacional pela boa qualidade de nossos médicos, mas devemos alertar que o paciente que vem de outros paises precisa ter uma boa qualidade de pós operatorio para poder voltar com segurança para seu país. Siga sempre as orientações de seu médico.

O que esperar da Cirurgia Plástica?

Para qualquer decisão a se tomar é necessário planejamento.
Assim como o planejamento, a expectativa do paciente em relação aos resultados de uma determinada cirurgia plástica  é extremamente importante.
É preciso ter em mente que cada pessoa possui uma forma corporal diferente da outra. Não há como comparar resultados, nem almejar algo que não está ao alcance da medicina.

Sendo assim, converse com seu médico de confiança e esclareça todas as dúvidas.
Para tornar essa tarefa ainda mais simples, confira alguns itens que todo paciente deve saber.

– Cicatrizes. Não tente encobri-las ou reduzi-las, é preciso saber que se trata de algo permanente e que o cirurgião fará o máximo para minimizá-la. Seu médico vai tentar deixar as cicatrizes da cirurgia em lugares pouco visíveis.

– Inchaço. A região operada poderá apresentar inchaço. Isso é extremamente normal e pode permanecer por alguns dias, semanas ou meses, dependendo do tipo de intervenção.

– Poderá haver descoloração ou pigmentação cutânea das áreas operadas por um período indeterminado. Muito raramente estas alterações poderão ser permanentes. Por isso, sempre use filtro solar (se seu médico permitir) na regiao operada por meses seguidos da cirurgia.

– Líquidos, sangue e/ou secreções podem se acumular na região operada, necessitando drenagem, aspiração ou reparo cirúrgico.

– A dor pós-operatória, em maior ou menor grau de intensidade é uma possibilidade. E ela vai variar de acordo com cada cirurgia e paciente.

– Muitas cirurgias plásticas podem necessitar, eventualmente, de retoque, ou pequena cirurgia complementar, para que possa atingir um resultado ainda melhor.

Dr. Wulkan
Cirurgia Plástica / Rinoplastia

O que é a Rinoplastia Étnica?

O nariz possui diferentes formas e tamanhos conforme o tipo de etnia de cada pessoa. Não existe uma regra geral que é capaz de determinar se um nariz é feio ou bonito, afinal, cada nariz tem o seu próprio formato e estilo. Dentre as diversas raças, sexo e aspectos genéticos, existem inúmeras combinações dos componentes da anatomia nasal que determinam milhares de formatos e tamanhos do nariz.
Quando o paciente se queixa de que o nariz parece não se “encaixar” direito em seu tipo físico, o mesmo pode se beneficiar de uma rinoplastia.

Os pacientes que comumente procuram plastica de nariz étnica podem ser de origem asiática, africana, latina, européia, entre outras.
Assim como na rinoplastia convencional ou primária, o objetivo da rinoplastia étnica é modificar o tamanho e formato do nariz ao mesmo tempo em que pode-se tentar melhorar a respiração.
O procedimento em si é semelhante ao da rinoplastia convencional mas, dependendo da raça, diferentes técnicas são usadas. Por exemplo, pacientes asiáticos ou de origem africana podem se queixar de nariz largo com pele grossa na ponta nasal que é pouco definida e projetada. Dessa forma, uma opção de cirúrgica seria aumentar o dorso do nariz, aumentar a projeção e esculpir a ponta nasal.

É extremamente importante que o cirurgião plástico entenda juntamente com o paciente que cada raça tem sua beleza única.
A mudança na estética do nariz étnico segue a tendência e filosofia atual: amenizar características acentuadas em relação a face e não realizar mudanças exageradas. Não adianta um paciente ocidental, por exemplo, desejar ter um nariz oriental (ou o contrário) pois a anatomia de suas estruturas nasais são bem diferentes.
Converse com seu médico de confiança e tire suas dúvidas!

Dr. Wulkan
Cirurgia Plástica / Rinoplastia